Assign modules on offcanvas module position to make them visible in the sidebar.

Our school

 

O Corredor dos espantalhos

 

Os alunos, professores e todo o staff do Colégio Cesário Verde em Lisboa arregaçaram as mangas e foram construir espantalhos. Sim, espantalhos!

No âmbito do VIVERFloresta preparámos o regulamento para organizar todo o processo, “Regulamento concurso vamos Espantalhar 2019.pdf” e foi lançado o desafio a todos os professores e alunos. Foi um desafio que fez tremer um pouco as pernas a alguns professores que tiveram de se reinventar para apoiar os seus alunos, mas que se divertiram tanto como eles.

O resultado foi que mais de 400 alunos dos 3 aos 16 anos e cerca de 3 dezenas de professoras, professores e educadoras deram largas à imaginação e fizeram espantalhos fantásticos. O ponto de partida para este grupo de crianças e jovens foi o de se ter de utilizar materiais recicláveis.

 

Tanta coisa para utilizar!  O que podemos fazer com isto?

 

 

Image3 AR16

A mensagem de usar materiais usados que iriam parar no caixote do lixo foi totalmente aceite pelos alunos e os materiais reutilizados foram os mais diferentes e impressionantes. Todos ficámos surpreendidos com tudo o que os alunos trouxeram para se usar.

A preparação e construção dos espantalhos foi mais do que uma simples tarefa manual. Foi acima de tudo uma forma de os alunos mostrarem a professores e pais de que o trabalho em grupo e de grupo, pode dar origem a resultados incríveis, e que eles conseguiram esses resultados.

 

Houve momentos em que o caos parecia dominar, com os jovens criativos e construtores a divergirem em formas de avançar. Múltiplas tentativas de executar pequenos detalhes acabavam frequentemente em estradas sem saída, enquanto outras resultavam em excelentes soluções.

O método de conceber, testar e recomeçar ou prosseguir, foi colocado em prática inúmeras vezes em todo o Colégio.

Um desenho ou um projeto?  Onde estará a cabeça?

 

 

Image6 AR16

 

 

 

 

Com o passar do tempo as diversas partes dos espantalhos, foram ficando cada vez mais perto do resultado final e alguma da tensão de ser ou não capaz de terminar o espantalho, foi desaparecendo e a alegria de missão cumprida foi surgindo na forma de conversas animadas e cada vez mais ruidosas.

Uns mais cedo que outros, conseguiram os seus objetivos.

 

 

Image7 AR16

 

 

 

 

 

 

 

Depois de todos os trabalhos terem sido terminados e colocados em exposição, foi a vez do Júri fazer a sua parte.

O Júri reuniu e avaliou os trabalhos durante a tarde do dia 24 de Abril.

O Júri foi composto por 6 elementos, mais precisamente pela Marina Coelho e José Bandeira da EFAO, o João Vieira do Hotel Corinthia Lisbon, o João Ferreira da Science4you, o Nuno Carrôlo do Atelier Nuno Carrôlo e Álvaro Silva e a Patrícia Silva do Colégio Cesário Verde.

 

 

Utilizando os critérios de:

• Adequação ao tema proposto, incluindo o fim a que se destina;

• Originalidade, criatividade e qualidade da ideia (incluindo o nome);

• Sustentabilidade pela utilização de materiais recicláveis / reutilizáveis;

• Solidez e robustez da construção;

Cada elemento do Júri classificou os espantalhos nestes 4 critérios com uma pontuação de 1 a 5. No final juntou-se todas as pontuações e descobriu-se quais foram os espantalhos com mais pontos em cada uma dos ciclos. Os professores, alunos e encarregados de educação foram informados do resultado, “Resultados do Concurso Vamos espantalhar 2019.pdf”.

 

 

Image8 AR16

Na Pré-escolar venceram as duas turmas dos 3 anos que trabalharam juntas e fizeram o espantalho chamado de “Árvore Rita Margarida“.

 
 
Image9 AR16

No 1º Ciclo venceu a turma do 3º Ano B com o espantalho chamado de “Super Espantalho“.

 

 

Image10 AR16
No 2º Ciclo venceu a turma do 6º Ano A com o espantalho chamado de “espantotem“.
 
 
Image11 AR16
No 3º Ciclo venceu a turma do 9º Ano B com o espantalho chamado de “Fernandões“.

 

Todos os espantalhos vão ficar em exposição no colégio Cesário Verde para todos os pais e visitantes do Colégio possam ver o resultado da imaginação, criatividade e esforço de todos.

Mais tarde vamos levar alguns dos espantalhos para cumprirem a sua função no viveiro de castanheiros e ainda para alguns agricultores que nos indicaram que gostavam de os ter.

Alguns dos espantalhos vão ficar na horta do Cesário Verde e para os restantes espantalhos temos algumas ideias para os utilizar.

 
  • Tanta coisa para utilizar!
    Tanta coisa para utilizar!
  • Tudo vai ter uma nova utilidade
    Tudo vai ter uma nova utilidade
  • Canetas, fios, pinceis e mais tampas
    Canetas, fios, pinceis e mais tampas
  • Artistas da pintura em ação!
    Artistas da pintura em ação!
  • Onde está a minha cabeça?
    Onde está a minha cabeça?
  • Onde está o meu corpo?
    Onde está o meu corpo?